Em 24 dias de greve Procon já contabiliza mais de 100 autos de infração contra agências bancárias

Nesta quinta-feira, a greve dos bancários somam vinte e quatro dias. Diante disso, o Procon Municipal de Campina Grande tem atuado de maneira efetiva para que os serviços básicos sejam disponibilizados para a população campinense.

Após as inúmeras reclamações recebidas pelo órgão através do Disque Denúncia, atendimento físico e plataformas online,  o Procon ingressou com uma Ação Civil Pública junto ao Ministério Público contra o Banco do Brasil que vem descumprindo as determinações com frequência em todas as agências da cidade.

A multa estipulada é de R$50.000 e está sendo aplicada desde o dia 23. “Perante as denúncias feitas pelos consumidores a equipe de fiscalização vai ao local, verifica a infração e lavra o auto no local. Por isso, pedimos aos consumidores que fiquem atentos e contribuam denunciando em nossas ferramentas de atendimento online e pelos telefones disponíveis. Assim poderemos garantir o mínimo de respeito aos direitos de cada um”, orientou o Coordenador Executivo do Procon, Paulo Porto de Carvalho Junior.

Nesse vigésimo quarto dia de greve a equipe de fiscalização já registra 167 autos de infração contra as agências bancárias da cidade, isso por descumprimento em oferecer os serviços básicos aos consumidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *